Uma formação com “PHDA”

Uma formação com “PHDA” cheia de simulações, boas reflexões, e muitas ideias para colocar em prática.

Ana Rodrigues com uma dinâmica de jogo conseguiu com que as formandas deste encontro sentisse na pele e experimentassem a dificuldade do que é ter PHDA. Uma actividade que para além de divertida provocou grande reflexão sobre o modo de estar, a dificuldade em controlar estímulos e manter uma postura focada.

Foi a partir desta experiência que o enquadramento teórico de suporte emergiu em que a necessidade justificou a utilidade.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*